084  matéria(s) localizada(s) . Exibindo página 1  
2/4/2018
TRÍDUO PASCAL 2018
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

"Reflexão do Evangelho -Tríduo Pascal 2018-", por Dom Fernando Antonio Figueiredo.
26/12/2017
NATAL- 2017
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

"Reflexão do Evangelho" texto escrito pelo acadêmico Dom Fernando Antonio Figueiredo.
2/8/2017
"REFLEXÃO DO EVANGELHO"
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

Mt 13, 44-46 - As parábolas do tesouro e da pérola
23/5/2017
DISCURSO DE POSSE
Acadêmico: Synesio Sampaio Goes Filho

"Queridos amigos. Conhecendo ou não o porto de destino, o melhor é concentrar-se na viagem. Cuidar de amores e amizades, fazer bem e fazer o bem. E, para lembrar Montaigne, não se levar muito a sério e esperar que a morte nos encontre sem temores, plantando nossas couves..."
24/4/2017
JO, 3, 1-8 - ENCONTRO COM NICODEMOS (I)
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

Reflexão do Evangelho escrito por Dom Fernando Antonio Figueiredo.
19/4/2017
JO 13,1-15 - ÚLTIMA CEIA
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

Reflexão do Evangelho escrito por Dom Fernando Antonio Figueiredo, “ Jo 13,1-15 - Última Ceia ”.
14/4/2017
JO 18,1 - 19,42 - PAIXÃO DE JESUS
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

Reflexão do Evangelho escrito por Dom Fernando Antonio Figueiredo, “ Jo 18,1 - 19,42 - Paixão de Jesus ”
12/4/2017
JO 11, 45-56 - OS CHEFES DOS JUDEUS SENTENCIAM A MORTE DE JESUS
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

Reflexão do Evangelho escrito por Dom Fernando Antonio Figueiredo, ”Jo 11, 45-56 - Os chefes dos judeus sentenciam a morte de Jesus"
12/4/2017
JO 12, 1-11 - A UNÇÃO DE BETÂNIA
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

Nada é alheio ao Senhor. Ele não rejeita, nem condena aquela mulher, dizendo aos presentes:
12/4/2017
REFLEXÃO DO EVANGELHO POR DOM FERNANDO ANTONIO FIGUEIREDO
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

“Aquele que come comigo ergueu o calcanhar contra mim”, e se perguntam, um depois do outro: “Mestre, não sou eu, sou? ”. Como transparece, comenta Orígenes, “Jesus fala, de modo geral, para provar a qualidade de seus corações, deixando claro que os Apóstolos acreditavam mais em suas palavras, que em sua própria consciência”. O Evangelista S. Mateus lembra que também Judas, que o chama de Mestre e não de Senhor, como os demais, perguntou: “Porventura sou eu? ”.
9/4/2017
MT 21,1-11 - ENTRADA EM JERUSALÉM
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

Reflexão do Evangelho escrito por Dom Fernando Antonio Figueiredo, “ Mt 21,1-11 - Entrada em Jerusalém ”
31/3/2017
RACISMO OU PRECONCEITO?
Acadêmico: José de Souza Martins

"Somos, de fato, um povo acentuadamente preconceituoso, o que inclui o preconceito racial, mas não se limita a ele. Todo racismo é preconceito, mas nem todo preconceito é apenas racismo."
31/3/2017
JO 5, 31-47 - AS TESTEMUNHAS AUTENTIFICAM A MISSÃO DE JESUS
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

Por isso, a liberdade soberana de Jesus, em relação à Lei, causa grande admiração a todos. A população o ouve com a respiração presa, pois jamais tinha ouvido alguém falar com tamanha liberdade. Sem negar a Lei, mas restaurando a ordem original da criação, Ele alarga seus horizontes até à supremacia do amor. Daí o assombro dos escribas e fariseus, ao ouvi-lo expressar, no Sermão da montanha, exigências resultantes de uma nova manifestação da ação de Deus.
10/11/2016
DISCURSO DE POSSE
Acadêmico: Jô Soares

"Na hora de escrever este discurso, descobri, para meu espanto, que nunca havia escrito sobre mim mesmo. Com 58 anos de atividade, era a primeira vez que isso ocorria"
1/11/2016
DISCURSO EM COMEMORAÇÃO AO PRÊMIO FUNDAÇÃO CONRADO WESSEL
Acadêmico: Lygia Fagundes Telles

Com a premiação, a Fundação Conrado Wessel faz hoje este heróico convite ao jovem e ao velho: “Me leia, não me deixe morrer!” Sim, a palavra escrita é “a negação da morte”.
5/5/2016
DISCURSO DE RECEPÇÃO PELO ACADÊMICO GABRIEL CHALITA
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

"Traga consigo Agostinho de Hipona e Francisco de Assis. Traga também as suas inquietações. Mas não se esqueça de trazer a esperança. A esperança, convidada freqüente de sua prosa, vai dar mais acalento ao nosso recanto das letras. À beleza de Academia que temos a honra de frequentar."
5/5/2016
DISCURSO DE POSSE
Acadêmico: Dom Fernando Antonio Figueiredo

" Estaremos juntos na busca da verdade, cuja essência é a liberdade, movidos pelo amor fraterno. Muito obrigado!"
5/5/2016
DISCURSO DE RECEPÇÃO PELO ACADÊMICO PAULO JOSÉ DA COSTA JR
Acadêmico: Paulo Nathanael Pereira de Souza

"Seria por demais fastidioso enumerar os títulos do novo acadêmico, que eu tenho imensa honra em saudar. Seja bem-vindo a esta Casa, que o recebe, fraternalmente, de braços abertos, sentindo-se enriquecida e orgulhosa com sua presença."
5/5/2016
DISCURSO DE POSSE
Acadêmico: Paulo Nathanael Pereira de Souza

"Pertencer a esta Academia, desnecessário seria lembrar, representa a mais alta consideração e o mais completo reconhecimento de uma vida dedicada à produção intelectual, seja nas letras, nas artes, nas ciências, na filosofia, na religião, no cultivo, enfim, de qualquer dos gêneros superiores do espírito que se volte preferentemente para o acréscimo da cultura e a elevação moral do ser humano."
5/5/2016
DISCURSO DE RECEPÇÃO PELA ACADÊMICA ANNA MARIA MARTINS
Acadêmico: Ruth Rocha

"O ingresso da escritora Ruth Rocha na Academia Paulista de Letras é fato relevante, marco que engrandece a entidade. Considero-me privilegiada por ter sido escolhida para a saudação com que a recebemos."
5/5/2016
DISCURSO DE POSSE
Acadêmico: Ruth Rocha

"Sinto-me emocionada em pertencer a essa casa, que desde a sua fundação custou a seus membros, considerável esforço no sentido de mante-la viva e atuante."
5/5/2016
DISCURSO DE RECEPÇÃO PELA ACADÊMICA ANNA MARIA MARTINS
Acadêmico: Fábio Lucas

A Academia Paulista de Letras se enriquece ao contar, entre os seus membros, com a inclusão do vosso nome prestigioso. Para essa Casa a vossa presença é uma honra; para quem vos saúda é honra e privilégio ter sido escolhida para tal incumbência.
5/5/2016
DISCURSO DE POSSE
Acadêmico: Fábio Lucas

"Incluo nessa profissão os agradecimentos aos companheiros da Academia Paulista de Letras que também acreditam no poder transcendental da expressão e que, por isso, constituíram este cenáculo de fervorosos escritores. Simbolizo na afeição por Anna Maria Martins, prosadora admirável, a minha estima por todos os acadêmicos."
5/5/2016
DISCURSO DE POSSE
Acadêmico: Antonio Penteado Mendonça

"Primeiro foi o mar, selva noturna/ Com solidões de estrela na manhã. Houve marcos plantados em salsugem/ E fronteiras na espuma descoberta. Primeiro foi o mar, o chão de espanto/ Sulcado pela quilha dos arados. Depois, houve caminhos e sementes/ O sonho despertou areias brancas/ E a treva amanheceu em madrugada "
5/5/2016
DISCURSO DE RECEPÇÃO PELO ACADÊMICO PAULO BOMFIM
Acadêmico: Antonio Penteado Mendonça

"Hoje, acadêmico Antonio Penteado Mendonça, sua presença tem o sortilégio de transformar crepúsculos em toque de alvorada. Por nossos nomes tutelares, por nossas tradições que se renovam, por nossa paixão por São Paulo, pela saudade e pela confiança que nascem de nossas raízes, seja bem-vindo a esta casa; beirais e taipas que se modernizam com a alegria de sua chegada!"
 1    2     3     4   





 
Largo do Arouche, 312 / 324 • CEP: 01219-000 • São Paulo • SP • Brasil • Telefone: 11 3331-7222 / 3331-7401 / 3331-1562.
Imagem de um cadeado  Política de privacidade.