0782  matéria(s) localizada(s) . Exibindo página 14  
12/1/2022
NOSSA CONSTITUIÇÃO RETALHADA
Acadêmico: José Renato Nalini

É surreal o número de 1344 propostas de emendas à Constituição em curso pela Câmara e Senado.
11/1/2022
DIETA PARA UM PEQUENO PLANETA
Acadêmico: José Renato Nalini

Hoje a juventude é mais antenada com a questão da sustentabilidade.
11/1/2022
MINHAS PERDAS EM 2021
Acadêmico: José Renato Nalini

2021 foi um ano próspero e fecundo para a morte. Levou muita gente. Perdi pessoas queridas, tanto próximas quanto distantes
10/1/2022
APL: PRESTAÇÃO DE CONTAS
Acadêmico: José Renato Nalini

A História da Academia Paulista de Letras é um roteiro de glórias bandeirantes, de que São Paulo tem legítimo e justificado orgulho para se vangloriar.
9/1/2022
O QUE NOS ESPERA EM 2022?
Acadêmico: José Renato Nalini

Por mais que nos entusiasmemos, não é prudente acreditar que a pandemia acabou. Ela continua aí. Novas cepas surgirão. A vacina terá de ser um compromisso crônico daqui para a frente.
9/1/2022
SE PUDESSE ESCOLHER...
Acadêmico: José Renato Nalini

Sua autoridade e conhecimento conseguiam comover a todos
8/1/2022
INACREDITÁVEL! MAS É O BRASIL!
Acadêmico: José Renato Nalini

Povo educado não aguentaria os desaforos seguidamente impostos à Nação, por aqueles que a saqueiam.
7/1/2022
CONVERTER IRA EM VOTO
Acadêmico: José Renato Nalini

A expressão não é minha. É do escritor João Gabriel de Lima, que foi a Glasgow por ocasião da COP-26 e viu que a juventude exerceu notável protagonismo.
7/1/2022
CASA DIVIDIDA
Acadêmico: José Renato Nalini

Só que o bicho-homem é também egoísta. Pensa inevitavelmente em si e em seus interesses
7/1/2022
CENTENÁRIO DE UM HOMEM JUSTO
Acadêmico: José Renato Nalini

Exatamente hoje, 7 de janeiro de 2022, completaria um século o Desembargador Sylvio do Amaral. Aqueles que tiveram a ventura de conhecê-lo e de com ele conviver, celebrarão sua memória.
6/1/2022
NÃO CABE TUDO NESTE 2022
Acadêmico: José Renato Nalini

Chega de negacionismo, de fealdade, de indigência mental e moral
6/1/2022
O AMANHÃ DOS OFÍCIOS DA CIDADANIA
Acadêmico: José Renato Nalini

Agora é hora de encontrar novas atribuições e funções para o RCPN. Algo que deu certo e que precisa ser prestigiado e respeitado.
5/1/2022
NÃO FAZEM MAL AS MUSAS
Acadêmico: José Renato Nalini

Fábio Ulhoa Coelho é um poeta cujos versos “têm o peso de anos e o niilismo fértil de reveses colecionados”.
4/1/2022
DE QUANDO EM VEZ, UM ACERTO
Acadêmico: José Renato Nalini

Ainda bem que existe a ministra Rosa Weber para, de quando em vez, lembrar o Brasil de que ele já foi uma potência verde.
3/1/2022
COERÊNCIA É SINAL DE…?
Acadêmico: José Renato Nalini

É preciso respeitar o próximo. Não julgá-lo com aquela régua inflexível, que usamos para os outros, nem sempre para nós mesmos.
3/1/2022
LIBERDADE PARA MORRER
Acadêmico: José Renato Nalini

Quem pensa assim não sabe o que é liberdade. Não existe liberdade para colocar em risco a vida alheia.
3/1/2022
AINDA EXISTEM HERÓIS
Acadêmico: José Renato Nalini

O Estado Brasileiro não incentiva os preservacionistas. A isenção do ITR (Imposto Territorial Rural) é quase nada
2/1/2022
VUCA & SOFT SKILLS
Acadêmico: José Renato Nalini

Antenar-se com o que se passa no mundo não faria mal às escolas e educadores brasileiros.
2/1/2022
MATEMÁTICA PARA A PAZ
Acadêmico: José Renato Nalini

Os saberes matemáticos estão impregnados em nossa cultura.
1/1/2022
2022: ANO DE DESAFIOS!
Acadêmico: José Renato Nalini

Feliz 2022 a todos!
31/12/2021
2022: CABERÁ TUDO NELE?
Acadêmico: José Renato Nalini

Tanta coisa a se fazer em 2022 e a urgência que aflige os humanos sensíveis, indignados com o que se faz contra a natureza e contra os brasileiros invisíveis.
31/12/2021
UM DIA COMO OS OUTROS
Acadêmico: José Renato Nalini

Amanhã é um novo dia. Um novo ano. Renovem-se as esperanças. Sem elas, fica muito triste encarar a realidade brasileira.
30/12/2021
TUDO IGUAL, MAS PIOR
Acadêmico: José Renato Nalini

A pandemia exibiu ao mundo um quadro trágico desta 7ª economia mundial
30/12/2021
CONFÚCIO E O BRASIL
Acadêmico: José Renato Nalini

Impõe-se refletir sobre questões fundamentais e muito negligenciadas pela cidadania: qual é o papel do governo e como as pessoas devem ser governadas?
29/12/2021
DOIS SÉCULOS DEPOIS...
Acadêmico: José Renato Nalini

Este 2021 atípico, prestes a expirar, marcou a celebração do bicentenário de nascimento de Fiodor Dostoievski.
 1     2     3     4     5     6     7     8     9   

 10     11     12     13     14    15     16     17     18     19   

 20     21     22     23     24     25     26     27     28     29   

 30     31     32   





 
Largo do Arouche, 312 / 324 • CEP: 01219-000 • São Paulo • SP • Brasil • Telefone: 11 3331-7222 / 3331-7401 / 3331-1562.
Imagem de um cadeado  Política de privacidade.